Existe idade certa para iniciar os estudos no Kumon?

11/10/2018
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:


Qual é a idade certa para a criança começar a estudar? Essa é uma das maiores dúvidas dos pais. O Kumon é uma metodologia de ensino que ajuda as crianças a se desenvolverem desde cedo. 

Um dos maiores objetivos do Kumon é incentivar a criança a ter mais autonomia nos estudos, buscando fortalecer seu potencial, respeitando o ritmo de cada um. Por meio de um material didático focado e individualizado, fica mais fácil descobrir quais são as fortalezas e dificuldades de cada criança. 


 

Quanto antes o aluno começar, melhor! 

Não existe idade certa para começar a estudar no Kumon. É na infância que o cérebro se torna mais ativo e por isso as crianças têm mais facilidade em reter e memorizar informações. Ensinar a criança desde cedo a ajudará nos estudos futuros, isto é, ela terá mais facilidade em aprender uma matéria nova, por exemplo. 

Um bom exemplo é a nossa aluna Luíza, que começou a ser alfabetizada pelo método Kumon com apenas 4 anos. Hoje, Luíza já desenvolveu várias habilidades como a disciplina, concentração, independência, responsabilidade, autodidatismo e o prazer pela leitura. 


Como funciona os estudos pré-escolares do Kumon? 

O material didático do Kumon aborda conteúdos pré-escolares. Com isso, qualquer criança pode começar antes mesmo de estar matriculada na escola. Isso significa que a criança começará a compreender números, escrita e fala. Quando ela se matricular na escola estará mais preparada e confiante para prosseguir com os estudos. 

Kumon oferece material didático pré-escolar nas disciplinas de matemática, português, inglês e japonês. No curso de matemática, o aluno começa a se familiarizar com os números, se tornando capaz de ler e recitá-los sem nenhuma dificuldade, onde o aluno fará atividades que contribuirão para desenvolver a coordenação motora, como por exemplo traçar números. 

No curso de português, os estágios iniciais têm como objetivo desenvolver a capacidade de leitura e escrita do aluno, potencializando o processo de alfabetização. 

O curso de inglês, possui associações de imagens e som para ajudar o aluno a aumentar seu vocabulário. E no curso de japonês, no ensino pré-escolar, o aluno começa a desenvolver a capacidade de leitura e escrita de palavras e sentenças simples. 


Tags: pré-escolar, pais

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade