Como estudar matemática nas férias: dicas da especialista do Kumon

16/12/2019
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

As férias estão chegando. Depois de um ano de muito esforço e dedicação, é hora de descansar, brincar e passear. Nesse período, também é importante manter o ritmo de aprendizado. A seguir, traremos dicas da Renata Oliveira, do Setor de Matemática do Kumon, para desenvolver essa disciplina nas férias. Acompanhe!

     1. Determine um horário

Estipular um horário para solucionar o material didático é essencial para conservar o hábito de estudo diário e para cumprir uma rotina mesmo durante o recesso. Preferencialmente, a criança deve realizar as lições de manhã. “Assim, ela terá o restante do dia livre para brincar”, explica Renata.

     2. Ajude a criar o ambiente ideal

A participação da família na resolução dos exercícios é fundamental para a evolução do pequeno. Uma maneira de fazer isso é auxiliá-lo a criar um ambiente favorável ao aprendizado. “Incentive-o a desligar a televisão, o videogame e a evitar distrações. Enquanto ele estiver concentrado nas tarefas, os pais podem se envolver em alguma atividade, como a leitura de um livro, por exemplo.”

     3. Não se esqueça da diversão

Além das lições, a criança pode utilizar jogos, como quebra-cabeças e sudokus, para aperfeiçoar o raciocínio lógico. Também é possível usar princípios matemáticos em situações cotidianas, ao preparar uma lista para o mercado, conferir o troco das compras e tentar uma nova receita culinária. “O mais importante é mostrar para ela que a matemática está presente em atitudes simples do dia a dia”, finaliza Renata.

O Kumon de Matemática

No Kumon de Matemática, os alunos recebem orientação individualizada e evoluem no próprio ritmo. O material didático é focado em desenvolver a habilidade de cálculo e o nível de dificuldade aumenta gradualmente. Assim, eles passam a realizar as operações com rapidez e precisão, além de adquirirem autonomia nos estudos. 

Quer saber mais sobre nossa metodologia? Visite o site e encontre a unidade mais próxima!

Tags: kumon, matemática, aprendizado

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade