Transformar a vida das pessoas, esse é o nosso desejo!

28/08/2019
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

“Para mim, Kumon significa transformação”, diz a orientadora Maria Cecília Lemos da Fonseca Teles, de 45 anos, da Unidade Salvador-Ribeira.

Maria Cecília conheceu a instituição por indicação de sua mãe, Maria Delvina Lemos da Fonseca, de 75 anos, que trabalhava como orientadora desde 1997. A empresa desejava abrir uma franquia na cidade de Salvador, porém necessitava de alguém que se interessasse pela área da educação. “Por eu ter formação em matemática, ela me recomendou. Realizei uma entrevista e fui aprovada”, relata.

Assim, no ano de 2003, sua vida começou a ganhar outros rumos. Maria Cecília deixou de lecionar em faculdades para se dedicar a um dos métodos de estudo mais respeitados do mundo. Isso porque, conforme explica, o Kumon possui três características principais:

1 - Desperta mudanças

Ao entrar em contato com a metodologia, Maria Cecília aprendeu a ter humildade, resiliência e a refletir sobre o próprio caráter. Logo notou as transformações nos âmbitos particular e profissional. “Primeiro, precisei sentir o que é o Kumon, para depois transmiti-lo aos meus alunos.”

Durante as atividades, ela utiliza exemplos e situações, para que eles compreendam quanto o método facilitará a aquisição de habilidades essenciais para o futuro. “As disciplinas de português, matemática e inglês são ferramentas que aperfeiçoam a humildade, honestidade e persistência”, esclarece.

2 – Traz realização pessoal

“A orientação foi um ponto que desenvolvi bastante”, orgulha-se. Quando encontra um estudante com dificuldade para resolver o material, por meio do estímulo, ela torna o obstáculo um aprendizado, fazendo-o perceber a própria capacidade e a importância de nunca desistir. “Sinto-me, então, muito realizada como orientadora”, conta satisfeita.

Além de observar os alunos nas tarefas, Maria Cecília é responsável por manter a comunicação com os pais, administrar e divulgar a Unidade, treinar sua equipe de oito auxiliares, bem como participar de reuniões e capacitações. Segundo ela, para desempenhar essas funções, é fundamental gostar do que faz.

3 - Cresce constantemente

O perfil da Unidade Salvador-Ribeira mudou. Há quase cinco anos, o atendimento estava centralizado no Ensino Fundamental II, Ensino Médio e em adultos. Devido à procura, o público pré-escolar também foi incorporado. Essa reformulação gerou alto crescimento mensal para o negócio.

Em parte, a expansão aumentou quando ela e a mãe uniram as franquias, no início de 2019. “O Kumon não é produto, é processo, sempre renovando as atividades”, explica Maria Delvina, que agora trabalha como auxiliar da filha.

Atualmente, Maria Cecília tem aproximadamente 240 estudantes, de diferentes idades. Seu sonho é difundir o método e conquistar mais crianças pequenas. “Conseguirei transformar a minha região, o que será um ganho para a comunidade”, diz entusiasmada.

Saiba mais sobre os benefícios de abrir uma franquia Kumon. Clique aqui e entre em contato conosco. 



Tags: kumon, experiência, franquia

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade