Qual é o segredo para passar em um dos vestibulares mais concorridos do país?

14/03/2019
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

Dedicação, esforço e muito estudo: estas são algumas características comuns a quem deseja ser aprovado no vestibular. Letícia Shimizu, de 17 anos, pôde comprovar esse fato na prática. Concluinte de Português, Matemática e Japonês no Kumon, ela ficou muito próximo de gabaritar a prova de Matemática no Enem e conseguiu alcançar um objetivo muito desejado: ser aprovada no curso de Engenharia Mecânica no vestibular da USP. Letícia acredita que o método Kumon teve papel importantíssimo para ajudá-la a chegar lá.


Saber orientar o interesse natural da criança


Os pais de Letícia são profissionais da área de Exatas: o pai é engenheiro e a mãe, Olívia, é contadora. Olívia sempre achou que a matemática deveria fazer parte da vida automaticamente, como ler e escrever. Como ela já conhecia o método Kumon, assim que percebeu que a filha tinha afinidade com a área de Exatas e muita facilidade com cálculos, achou que seu interesse seria mais bem direcionado com orientação profissional.


"Letícia sempre teve muito foco e disciplina, mas certamente o Kumon faz parte de tudo o que já conquistou e ainda está por vir." Olívia


Autodidatismo para se preparar


Letícia estudou no Kumon por oito anos. Para ela, uma das características mais importantes do método é o autodidatismo, que ela percebeu ser de extrema importância durante o período escolar e foi fundamental para ajudá-la a se preparar para as provas do vestibular. Além disso, ela destaca que, após iniciar o Kumon, começou a estabelecer horários de estudo e passou a segui-los. Tudo isso se materializou no esforço e dedicação para o estudo, que permitiram o ingresso em uma das universidades mais estimadas do país.


"O Kumon me deixou mais propícia a tomar a iniciativa para buscar determinado conhecimento e, dessa forma, ele me auxiliou a criar um método de estudo próprio." Letícia


Motivação e habilidades que fazem a diferença


Segundo a caloura de Engenharia, ser aprovada no vestibular foi incrível e trouxe muita alegria. Letícia passou no curso e na universidade que queria, atingindo seus objetivos e ficando com a sensação de dever cumprido. Ela conta que o Kumon a ajudou a alcançar essa conquista. Se ela se esforçou para compreender as matérias da escola, foi por causa da motivação adquirida com o Kumon. Letícia também ressalta que o método tornou seu raciocínio mais rápido, o que facilitou e poupou bastante tempo na hora de fazer os exercícios dos vestibulares. Mas se engana quem pensa que a estudante para por aí. Ela pretende se dedicar ao curso, se formar e perseguir novas metas. Um intercâmbio no final da graduação, talvez. O importante é ter o que é preciso para conquistar o que deseja, e isso ela tem de sobra!



Tags: kumon, matemática, método, japonês, português

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade