Facebook Kumon
Blog Kumon

Ler é compreender

Mariana Bruno Chaves Responsável pelo setor de Desenvolvimento de material didático do Kumon

Mariana Bruno Chaves
Responsável pelo setor de Desenvolvimento de material didático do Kumon

Aprender a ler é uma das maiores experiências da vida escolar, além de uma vivência única para todo ser humano. Ao dominar a leitura abrimos a possibilidade de adquirir conhecimento, desenvolver o raciocínio, participar ativamente da vida social e ampliar a visão de mundo.

No entanto, ler não é fácil: exige esforço mental e físico, uma vez que a leitura só é considerada competência adquirida se tiver implícita a compreensão necessária. Ou seja, ler é compreender. Embora a capacidade de decifração seja fundamental no processo de leitura, sem atribuição de significado ao que se lê não há competência leitora.

Sabemos que ler com agilidade e boa compreensão enriquece a habilidade de estudo, pois a capacidade de interpretação de textos transforma crianças em cidadãos criativos, curiosos e independentes. Isso desenvolve o leitor como indivíduo, mas também afeta toda a sociedade, pois a leitura tem o poder de edificar o caráter das pessoas e torná-las mais sensíveis e críticas em relação ao mundo.

Para a leitura se tornar uma atividade prazerosa, ela precisa ser uma habilidade bem trabalhada desde a infância – e treinada constantemente ao longo da vida. A alfabetização é apenas um primeiro passo e abre as portas para o mundo dos livros, e a leitura é um aprendizado contínuo, fluido, e que evolui naturalmente.

A compreensão de textos é um instrumento de formação de cidadãos. Mas é possível desenvolver as habilidades de compreensão de texto?

Pesquisas na área nos dão embasamento suficiente para termos a convicção de que é possível, sim, contrariar a tendência e mudar os hábitos de leitura das crianças, ensinando-as a compreender, isto é, desenvolvendo nelas as habilidades que poderão transformá-las em leitores competentes.

O trabalho com a síntese é fundamental no processo de formação de um leitor, pois, para sintetizar um texto, é preciso tê-lo compreendido em sua plenitude. Ao ler sintetizando, conseguimos reduzir o texto às suas informações principais, mantendo seu sentido original. Podemos dizer que elaboramos uma versão em “miniatura” do texto original. E essa miniatura, por ser curta e conter todas as informações necessárias para a compreensão, pode ser mais facilmente guardada na memória. Esse método de leitura é bastante eficaz, por exemplo, para a leitura de textos longos, em que é preciso ler grande quantidade de palavras, ou mesmo na leitura de textos científicos, em que é preciso assegurar a compreensão de cada parte apresentada.

O conceito de síntese é particular do método Kumon, e difere do que costumamos entender pelo termo síntese. Quando falamos em sintetizar, geralmente pensamos em resumir, de forma breve, as principais informações de determinado texto. Ou seja, os conceitos de síntese e resumo acabam sendo utilizados como sinônimos. Porém, para entendermos melhor os objetivos do curso de Português, precisamos diferenciar o resumo da síntese do Kumon.

KUMFB201803P14Enquanto, no resumo, nos preocupamos em organizar brevemente os pontos importantes de um texto, na síntese do Kumon o objetivo é reorganizar o texto, mantendo sua sequência. Para isso, é preciso organizar as informações incluindo as palavras-chaves relacionadas às ideias principais, as nuances do texto original e palavras ou expressões que nos chamaram a atenção durante a leitura. Isso exige não só a capacidade de compreender o texto com precisão, mas também a capacidade de manipular as palavras e reestruturar o texto, mantendo seu sentido. Ou seja, a síntese não é um simples trabalho mecânico: ela concilia diversas capacidades.

Sabemos que o que define a competência de um leitor não é sua idade cronológica, mas, sim, sua experiência como leitor, seu repertório, sua história de convivência com a linguagem escrita e seu domínio sobre ela. Podemos dizer que “ler por meio da síntese” é uma etapa fundamental no processo de formação de um leitor. É por isso que o Kumon desenvolveu um curso focado no desenvolvimento dessa habilidade.

Temos uma novidade!

A partir deste mês, os alunos do Kumon de Português dos estágios avançados contarão com novos materiais. O material didático do Kumon é aprimorado continuamente para que os alunos possam se desenvolver de forma eficaz e tranquila, e, a cada nova reformulação, buscamos um material que desenvolva ainda mais a alta capacidade de leitura e interpretação de textos, além de despertar o prazer pela leitura.

Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre o curso de Português do método Kumon? Encontre a unidade mais próxima de você em nosso site, kumon.com.br, e agende uma visita!

Tags:

Ontem, hoje e amanhã
Para nós, do Kumon o aprendizado
contínuo é algo que sempre foi
e que sempre será extremamente

Presidente do
Kumon Institute of
Education Co, Ltd

Orientadores e
colaboradores
aprendem
continuamente
com os alunos.

As palavras do fundador
que nós prezamos

O método Kumon e seus pontos fortes

Por meio do método Kumon
buscamos formar pessoas
mentalmente sãs capazes
que possam alcançar seus
objetivos na vida.

O método Kumon surgiu
a partir do amor de um
pai pelo filho.

O Kumon tem um
sonho, o sonho pela paz
mundial realizada por
meio da educação.

Cinco características do material didático

Clique aqui para
descobrir o segredo
por trás do método Kumon.

O papel dos orientadores do Kumon

Clique aqui para
conhecer o trabalho
do orientador do
método Kumon.

O Kumon busca o melhor para
cada criança individualmente,
independente de
tempo e local.

Inicialmente oferecido para crianças
no Japão, está disponível
atualmente para crianças ao redor
de todo o mundo.

O que representa o logotipo do Kumon

Cada aspecto do nosso logotipo expressa
os valores do Kumon

Mais informações e sugestões:

Fale Conosco