Crianças ficam sobrecarregadas por estudar demais?

03/10/2018
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

Muitos pais se perguntam se, ao matricular os filhos em duas ou mais disciplinas do Kumon, não estariam sobrecarregando as crianças com atividades demais. É um questionamento totalmente compreensível, já que sempre queremos o melhor para os nossos pequenos. Mas a realidade é que a criança não se cansa por fazer duas ou mais disciplinas. Aliás, nossa experiência mostra exatamente o contrário: ela aprende a se organizar e desenvolve o hábito de estudar todos os dias, desenvolve o senso de organização e, pelo fato de o método de estudo ser individualizado, pode estudar no próprio ritmo.

Aluno Patrick 

Adiantar-se em relação ao ano da escola

Olha só que exemplo incrível! Os irmãos Patrick, de 7 anos, e Enzo, de 5, estudam Matemática, Português e Inglês no Kumon. Mas as atividades deles não param por aí. Os dois também praticam futebol e kung-fu, já que seus pais entendem que o esporte é fundamental para o desenvolvimento das crianças. 

Patrick está no 2º ano do Ensino Fundamental. No Kumon, ele está três anos adiantado. Ou seja, estuda conteúdos três anos além de seu ano escolar. Quando Patrick contou para os colegas e para a professora, na escola, que já sabia fazer contas de frações, todos ficaram surpresos. Já Enzo foi alfabetizado no método Kumon, e adora o livro Os Três Porquinhos.

Somente essas conquistas já seriam motivo para comemorar. Mas ainda tem mais! Todos os anos, os alunos do Kumon são premiados em um evento chamado EXPO Kumon. E adivinha quais são os irmãos que vão ganhar medalhas na EXPO deste ano?


Aluno Enzo

Grandes mudanças na vida das crianças

Kátia, a mãe dos meninos, conta que conheceu o Kumon por meio de amigos, e matriculou as crianças graças à qualidade das atividades educativas que o Kumon oferece. Depois de iniciarem no Kumon, ela notou que os filhos apresentaram grandes mudanças, como melhor disciplina e maior afinco nos estudos, além de mais atenção e persistência diante de desafios.

"Ficamos felizes em observar que o patamar de conhecimento que podem atingir é surpreendente. O Kumon permite que as crianças possam se desenvolver de forma individualizada e independe da idade ou ano escolar. Dessa forma, poderão atingir por si só seus limites."

- Kátia, mãe de Patrick e Enzo

Tags: kumon, pré-escolar, alfabetização

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade
Para garantir ainda mais transparência em como usamos seus dados pessoais aqui no Kumon, nós atualizamos nossa Política de Privacidade. Caso queira consultá-la, clique aqui. Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência no nosso site. Ao continuar a navegar neste site, você concorda como o seu uso. Para saber mais sobre o uso de cookies, clique aqui.