Como funciona o curso do Kumon de Português para os pré-escolares?

23/08/2019
Kumon Brasil Kumon
Compartilhe:

“Já vi várias crianças pequenas se desenvolvendo em unidades. Coloquei meus filhos desde cedo no Kumon para se divertirem e se prepararem para a vida.”

Essa frase é do colaborador Diego Guimarães que, há dois meses, matriculou os filhos Nicole, de 4 anos, e Kevin, de quase 2 anos, na instituição. Com essa atitude, ele e a esposa, Jaqueline, pretendem ajudá-los a adquirir gosto pelo conhecimento e a aprender com mais facilidade.

Os benefícios já começaram a surgir: Kevin identifica objetos, animais e os algarismos de 0 a 10. Nicole, por sua vez, descobriu como segurar o lápis com firmeza e ampliou o vocabulário. “Ela sempre foi falante, mas agora sabe palavras mais rebuscadas, utiliza frases inusitadas, cria teorias e tem grande desenvoltura para conversar com adultos”, conta Diego.

O Kumon utiliza uma metodologia inovadora e apresenta um material didático feito com base na ideia de que cada criança possui gostos, interesses, aptidões, rotinas diferentes. Logo, evolui em um ritmo próprio. Por isso, ao oferecer planejamento e orientação individualizados, o método favorece a aprendizagem, sem prejudicar a infância.

“Alunos pré-escolares precisam brincar, conviver com outros pequenos e também não fazer nada! O ideal não é enchê-los de tarefas, mas sim proporcionar atividades que possibilitem a resolução de desafios motivadores, a descoberta de emoções e capacidades”, explica Mariana Chaves, gerente do Setor de Desenvolvimento de Material Didático.

Veja como podemos auxiliar seu filho nesse estágio de crescimento.

O Kumon de Português

O curso de Português é voltado para a formação de leitores, envolvendo desde a alfabetização até a compreensão de textos densos. As crianças ouvem canções, escutam histórias e conhecem os livros. Desse modo, aprimoram a criatividade, o raciocínio, o grau de abstração, a competência de tomar decisões e resolver conflitos.

Não há idade mínima para introduzi-las ao mundo das letras. Aliás, a primeira infância é a fase na qual o cérebro passa por mudanças constantes, trabalhando para moldar padrões físicos, emocionais e cognitivos. Portanto, ao receberem estímulos nessa etapa, elas começam a associar imagens a palavras e sons. Potencializando as habilidades linguísticas, tornam-se autodidatas, pois conseguem compreender enunciados e decifrar textos complexos sozinhas.

Contudo, conforme mencionado anteriormente, cada pessoa tem uma velocidade de crescimento que deve ser respeitada. Diante disso, Mariana alerta: “Existem muitas formas de fortalecer o aprendizado na fase pré-escolar, o importante é variar os incentivos e ter paciência! O tempo acelerado e a ansiedade dos adultos acabam atrapalhando”.

Entretanto, o acompanhamento da família é fundamental para que os pequenos cresçam de forma tranquila. Diego e Jaqueline, também alunos do Kumon, resolvem o material didático com seus filhos durante a noite. “Fazemos isso juntos, proporcionando um momento divertido em família”, comenta o pai.

Quando questionada sobre o que deseja para Kevin e Nicole, Jaqueline comenta: “Queremos que tenham ética, sejam felizes com a vida, conquistem sonhos e objetivos”.

Para saber mais sobre o nosso método de estudo, acesse o site e encontre a unidade mais próxima de você. 



Tags: pré-escolar, método, português

Artigos relacionados

Receba conteúdos exclusivos do Kumon
Aceita receber informações do Kumon?
Política de privacidade